Ciclo menstrual

O que é a menstruação?

A menstruação é uma perda de sangue cíclica que resulta da descamação do endométrio (parede que reveste o útero) com uma duração que pode variar entre 2 a 7 dias.
Após o aparecimento da primeira menstruação (menarca), é comuns os ciclos menstruais serem pouco regulares podendo mesmo existir longos períodos sem que ocorra qualquer hemorragia.
Existem factores que podem influenciar a duração dos ciclos menstruais bem como a quantidade de sangue libertado em cada mês como, por exemplo, o stress e as preocupações, as mudanças de clima e os hábitos alimentares. Por isso, a quantidade de fluxo pode ser diferente de mês para mês.
É a isto que, vulgarmente, se chama “estar com o período” ou estar menstruada.

Quanto tempo dura um ciclo?

Habitualmente, um ciclo dura entre 28 a 32 dias, ou seja, é aquilo a que chamamos um ciclo menstrual. Mas, podem existir ciclos ligeiramente menores ou maiores.
Um ciclo menstrual é o período de tempo que vai do 1º dia da menstruação até ao dia anterior da menstruação seguinte (do ciclo seguinte).
Estes dias podem variar de mulher para mulher assim como podem também variar na mesma mulher de ciclo para ciclo. 

As três fases do ciclo menstrual 

Já viste que o 1º dia do ciclo menstrual é o 1º dia do aparecimento da menstruação. Vamos dar como exemplo um ciclo menstrual de 28 dias. 

O ciclo menstrual divide-se em 3 fases:
  • Folicular (um dos folículos presentes no ovário vai crescendo durante 14 dias)
  • Ovulatória (no 14º dia o folículo rompe-se e o óvulo vai descendo pela trompa de Falópio podendo ser ou não fecundado pelo espermatozóide)
  • Luteiníca (quando a fecundação não ocorre, o folículo rompe-se, passa a corpo amarelo, amadurece e degenera)
O ovário contém folículos do tamanho da cabeça de um alfinete. Um destes folículos vai crescer e ficar do tamanho de uma ervilha e este processo demora cerca de 14 dias. Chama-se a isto a fase folicular.

Por volta do 14º dia, o folículo rompe-se e é aqui que se dá a ovulação. Ou seja, o óvulo desce pelas trompas de Falópio, podendo ou não ser fecundado pelos espermatozóides. Um ou mais espermatozóides podem fecundar o óvulo e, se isto não acontecer, este vai continuar o seu percurso descendente. Chama-se a esta fase, fase ovulatória. 

Quando o folículo se rompe e liberta o óvulo dá-se uma transformação fisiológica gerando-se uma massa amarela e sólida que se chama “corpo amarelo”. Quando não há fecundação, este corpo amarelo amadurece, vai-se degenerando e acaba por ser levado através do fluxo sanguíneo, esta é a fase luteiníca. 
Estás perante um novo ciclo menstrual.




Quais os cuidados que devo ter com a higiene?

Os genitais têm odores próprios, que são normais. A mulher tem glândulas sudoríparas (responsáveis pelo suor) na vulva que produzem um cheiro característico.


É importante que seja feita uma higiene diária e adequada, mas que não seja abusiva, uma vez que a vagina possui bactérias que a protegem das infecções e que, por isso, não devem ser destruídas.

Mitos:
  • Não se pode lavar a cabeça quando se está com a menstruação,
  • Não se deve fazer desporto,
  • Não se podem ter relações sexuais,
  • Não se podem comer alimentos frios,
  • Não se pode pisar um chão frio. 
Como é que eu sei se estou no período fértil?

Para calculares o período fértil, deverás anotar as datas das menstruações num calendário, durante, pelo menos, 6 meses a 1 ano, de forma a tentares perceber quantos dias têm os teus ciclos menstruais. Deste modo, saberás qual o ciclo mais curto, ou seja, o que tem menos dias, e qual o mais longo, ou seja, o que tem mais dias (a contagem faz-se desde o primeiro dia da menstruação até ao dia anterior da menstruação seguinte – o chamado ciclo menstrual).
Para compreenderes o método do calendário, assim se chama este método, presta atenção ao seguinte exemplo: vamos partir do princípio que o teu ciclo mais curto é de 27 dias e o ciclo mais longo de 31 dias. Desta forma, ficaria: 

Ciclo menstrual mais curto – 18 = X então 27 – 18 = 9 
Ciclo menstrual mais longo – 11 = Y então 31 – 11= 20 

Assim, a altura do teu período fértil aconteceria entre o 9º e o 20º dia do ciclo menstrual (contando sempre a partir do 1º dia da menstruação).

Não te deves esquecer que o funcionamento do nosso corpo está relacionado também com factores de natureza emocional, isto é, determinados acontecimentos podem fazer com que o teu período fértil ocorra num momento diferente do habitual podendo, assim, haver falha deste método. 

O que se passa com o muco?

Ao longo do ciclo da mulher, existem alterações no aspecto e na consistência da secreção (ou muco) que o colo do útero produz.

Depois da menstruação e durante alguns dias não se verifica a existência do muco. Gradualmente, a mulher começa a ter uma sensação de humidade e surge o muco com aspecto grosso, pegajoso, esbranquiçado ou amarelado. Com a aproximação da ovulação, o muco torna-se mais líquido, transparente e elástico (“tipo clara de ovo”). 

Por exemplo, pegando num pouco de muco, entre o dedo polegar e o indicador, e afastando depois os dedos, é fácil observar a diferença que existe na sua consistência.
Depois da ovulação, o muco torna-se opaco, branco e espesso. 


Mas atenção, não confundir o muco com qualquer outro corrimento que pode ser causado por uma infecção que precise de tratamento médico. Como, por exemplo, se tiver indícios de sangue, mau cheiro ou apresentar uma cor diferente. 


In: Portal da Juventude